Avançar para o conteúdo principal

Ano de eleições



Mesmo que eu fosse uma pessoa extremamente desligada das notícias do nosso país, mesmo que eu não ligasse absolutamente nada à política, mesmo que eu tivesse estado em estado de coma nos últimos quatro anos, bastava pegar no carro, andar uns minutinhos por essas estradas fora que percebia logo que estamos em ano de eleições. É obras na estrada por tudo o que é sítio. Em cada curva há uma máquina a esburacar, a pôr piso novo, a ajeitar muros e mais não sei o quê! E isto entristece-me! Saber que muitas freguesias estiveram praticamente paradas no tempo nos últimos anos e agora, que se aproximam as eleições, fazem umas obras numa estrada qualquer para tentar enganar o povo e mostrar que são muito empenhados e proativos. E com isto não estou a falar de partidos, porque em política são todos iguais. O modus operandi é o mesmo para (quase) todos!

Comentários

Mensagens populares deste blogue

A vida secreta dos nossos bichos

Quem disse que os filmes de animação são só para crianças? Eu gosto bastante de me perder num bom filme de animação. E este prometia muito. Tinha visto o trailer ainda antes de chegar aos cinemas e disse logo "quero muuuito ver este filme" e finalmente vi-o. O filme prometia muito, ainda por cima sendo dos mesmos produtores de "Gru - o Maldisposto", mas sinceramente fiquei um bocado desiludida. A história foi muito básica e o trailer foi muito bem feito porque reúne, a meu ver, as melhores cenas do filme. Uma pessoa vê o trailer, cria grandes expectativas e depois no final fica assim um bocado para o desiludida, à espera de mais...
Ver o trailer aqui.

Quando os nossos animais não estão bem...

Sábado o meu Boguinhas (cão mais velho) pregou-me um susto e começou a sangrar pelo nariz. Ele já tem 14 anos e eu sei que nada é eterno mas pensar na finitude de alguém que esteve presente em quase metade da minha existência é coisa que faz mexer até às entranhas. Desde então, qualquer movimento ou barulho atípico estou logo em estado de alerta.
Ontem o Benny (o meu cão mais novo), do nada, vomitou! Mias uma preocupação! Tenho passado os últimos tempos com o coração nas mãos e sempre preocupada com os cães. Quem me manda a mim gostar de cães! 
E se isto é assim com cães, se um dia eu tiver um filho, acho que nem vou conseguir respirar!

Despedida de solteira (sem voz)

Estes últimos dias é sempre roda no ar. É despedida de soletira de uma amiga de curso, é o casamento dessa amiga, é festejos do Benfica, é festejos da Eurovisão, é jantares de amigos, é despedida de solteira de outra amiga, é mais outro casamento dessa outra amiga, mais aniversários... Até fico cansada só de enumerar.
Hoje há mais uma despedida de solteira e eu vou em versão afónica. E não foi dos festejos do Benfica. Até podia ter sido mas nesse dia estava num casamento e tive de ser comedida a extravasar a alegria que só Benfiquista compreende. 
Ontem comecei a ficar rouca e hoje estou sem voz e só vos digo que tem sido um sem número de situações caricatas. Sou eu a querer repreender algum dos meus cães porque estão a fazer asneira mas eles não me ouvem. São as pessoas que me ligam e mal me percebem porque eu só consigo grunhir uns barulhos estranhos. É eu ir a casa de um familiar, tocar à campainha e quando me perguntam quem é tive de fazer um esforço monumental para conseguir faz…

Instagram

Blogs que leio